Retalhos do real

Image

Colagem de Mathis Rekowski

 

 

A gente não tem direito nem de sonhar. Não é porque sou camelô que não posso pensar num futuro melhor. Na Ação de Reintegração de Posse o possuidor visa recuperar a posse pois, a ofensa exercida contra ele, o impediu de continuar exercendo as suas prerrogativas e direitos.  Essa gente quer tudo de graça. A propriedade privada é um roubo. Antes eu pagava R$ 230, R$ 250 de aluguel. Agora estão querendo cobrar pela mesma casa R$ 450, R$ 500. A verdadeira razão da propriedade privada, a posse, é um fato, um fato inexplicável, não é nenhum direito. Pobre que é pobre, que precisa de casa, não fica demarcando terreno com madeirite e material de construção. Invadem propriedade privada e depois não querem sair? Tem que baixar o sarrafo mesmo. A empresa entrou com pedido de reintegração de posse na justiça, que foi concedido no dia 7 de abril. Nesta sexta-feira de madrugada, dia 11, a lei foi cumprida à base da porrada. “Estamos sendo tratados como bichos. A solução que eles deram é um massacre. Fomos até eles e pedimos para acompanhar a reintegração, mas eles não aceitaram e o que estamos vendo é esta violência, com ônibus queimado e criança ferida. Em nota, o governo do estado informa que cumpre ordem judicial expedida pela juíza da 6ª Vara Cível da Comarca Regional do Méier, Maria Aparecida Silveira de Abreu, que deferiu liminar para reintegração de posse do imóvel localizado na Rua 2 de Maio, no Engenho Novo. . Vítimas? Ninguém quer estudar e trabalhar não, né? Meu filho levou um tiro em cima da vista. Está em ponto de perder a visão por causa dessa truculência. Cadê o governador e o prefeito pra chegar e conversar direito, fazer uma negociação? Art. 170, CF/88: A ordem econômica(…) II – propriedade privada; III – função social da propriedade. Maicom Gonçalves Melo perdeu o globo ocular esquerdo.  Só não dou nota 10 por que não matou nenhum rato. Com efeito, a propriedade constitui elemento imprescindível para o modo de produção capitalista, representado pela conjugação entre o capital, isto é, a propriedade do empresário ou industrial, e a força física dos trabalhadores, que por sua vez trabalham na expectativa de amealhar bens, ou seja, constituir seu próprio patrimônio, sua propriedade.  Já levou quantos sem tetos para sua casa? Invasores atearam fogo a um carro da Polícia Militar  e também em um ônibus e feriram três policiais com pedradas. Se a gente não precisasse, não tinha passando esse sufoco.  veja a idade desse cara, que deve ser pai dessas 2 crianças, eu não tenho casa, moro de aluguel, por isso não tenho filhos. Por que ele tem 2? Pelo menos.  Pessoas que não querem trabalhar, que preferem moradias irregulares pra não ter que pagar contas, que são grandes especuladores especializados em vender as casas recebidas como indenização e promover novas ocupações, enriquecendo dessa forma. Invadem propriedade privada e depois não querem sair? Tem que baixar o sarrafo mesmo. Invadem propriedade privada e depois não querem sair? Tem que baixar o sarrafo mesmo, Invadem propriedade privada e depois não querem sair? Tem que baixar o sarrafo mesmo. Invadem propriedade privada e depois não querem sair? Tem que baixar o sarrafo mesmo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios
Categorias: Sociedade | 1 Comentário

Navegação de Posts

Uma opinião sobre “Retalhos do real

  1. jorge lemos souza

    Tudo dito, sensacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: