Imagina em agosto… (Ou Fujam pras colinas, Sininho tá aa solta! Ou será a Dilma?)

Que julho brabeira! Uma ruptura com a aura de lirismo que, habitualmente, cerca esse mês. Mas, caso você seu natalício seja em julho, não boicote este texto. Nada pessoal. Tampouco se você é fruto do mês cuja rima -convenhamos, paupérrima- é com desgosto, segundo o dito popularesco.

Mas, voltando ao tal julho, tá fácil não: mortes em série  na literatura brasileira (a Feira Literária do Céu deve estar fervendo), prisões de todo descabidas num brutal ato de intimidação antiprotestos no mais assustador estilo órfão-nostálgico da Ditadura, o massacre genocida em Gaza que já ceifou mais de oito centenas de vidas numa reedição grotescamente irônica de ódio belicosamente racista, justamente por parte de quem já foi Davi, mas hoje se faz Golias inclemente.

palestina

Este julho decididamente não tá fácil!

Há aqueles que tresloucadamente ainda incluiriam o “Mineiraço” (na tentativa de analogia com o termo Maracanazo, com o perdão aa língua alemã). Mas, claro que nem levo isso a sério, afinal, como já disse alhures, não me chateei nem um pouquinho com o 7 a 1. Muito menos vou fazer como certo caso de acefalia funcional que comparou o resultado futebolístico ao ataque dos aviões ao World Trade Center.

Tampouco, hei de incluir nas tragédias de julho a colocação do Mengão no Brasileirão, já que é meramente episódica. Agora, a volta do Brasileirão em si, bem que podia ser contabilizado aí. Depressão pós-Copa!

Ainda houve, neste mesmo julho, o ingresso da ditadura sangrenta de Guiné Equatorial na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), o que mancha essa iniciativa. Desnecessário, economicista, forçoso, deprimente! Como amante da causa lusófona, me envergonho profundamente.

sininho

A sanguinária Sininho livre! Todo cuidado é pouco!

E o avião derrubado, apinhado de especialistas em HIV?! Por muito menos, a 1ª Guerra Mundial se iniciou. Ao que parece, Vladimir, czar da próxima Copa do Mundo de futebol, está Putin mesmo. Há quem tenha acusado a Dilma por isso, já outros suspeitaram de Elisa Quadros, a Sininho, a mais perigosa e famigerada terrorista-anarco-satanista da história da América Latina. Quem garante são as fontes confiabilíssimas da Globo, juizado e promotoria autoinstituída do Estado do Rio de Janeiro, com acesso irrestrito a todos os segredos de justiça: um bebum que ficou sem saideira por causa dos black blocs, um primo do vizinho do porteiro do transeunte que passava pela Saens Peña no ato da final da Copa, um X9 delator maldito miserento anônimo com dor de corno e a mais respeitável das testemunhas, então anônimas, o presidente norte-americano Obama , com seu arborizadíssimo esquema de escutas que só não dá ouvidos aos gritos palestinos.

cachorrinhos

———————————————————————————————————————————————————

O grande desastre aéreo de ontem (Jorge de Lima) [por falar em verdadeiros imortais]

Para Cândido Portinari

Vejo sangue no ar, vejo o piloto que levava uma flor para a noiva, abraçado com a hélice. E o violinista em que a morte acentuou a palidez, despenhar-se com sua cabeleira negra e seu estradivárius. Há mãos e pernas de dançarinas arremessadas na explosão. Corpos irreconhecíveis identificados pelo Grande Reconhecedor. Vejo sangue no ar, vejo chuva de sangue caindo nas nuvens batizadas pelo sangue dos poetas mártires. Vejo a nadadora belíssima, no seu último salto de banhista, mais rápida porque vem sem vida. Vejo três meninas caindo rápidas, enfunadas, como se dançassem ainda. E vejo a louca abraçada ao ramalhete de rosas que ela pensou ser o paraquedas, e a prima-dona com a longa cauda de lantejoulas riscando o céu como um cometa. E o sino que ia para uma capela do oeste, vir dobrando finados pelos pobres mortos. Presumo que a moça adormecida na cabine ainda vem dormindo, tão tranqüila e cega! Ó amigos, o paralítico vem com extrema rapidez, vem como uma estrela cadente, vem com as pernas do vento. Chove sangue sobre as nuvens de Deus. E há poetas míopes que pensam que é o arrebol.

———————————————————————————————————————————————————-

Na verdade, não há sequer provas concretas de que Dilma e Sininho sejam pessoas diferentes. O mais possível é que sejam, afinal Dilma & Sininho, ou vice-versa. O fato é que as duas jamais foram vistas juntas e, ao que tudo indica, são as grandes responsáveis por tudo o que há de mal. é só ver. Sarney, base de sustentação do governo Dilma, não morre, debochando de seus colegas literatos, imortais só em conotação. O mesmo Sarney é autor da emblemática obra da literatura brasileira intitulada “Marimbondos de Fogo”, uma vinculação óbvia aos planos malévolos de Sininho para pôr fim aa democracia e aa própria civilização ocidental.

Dentre tantos tormentos, atormentações e tormentas de julho, ao menos um fato salutar: os 75 anos duma das maiores inspirações contemporâneas. Um paladino de justiça e superação, em prol do bem comum. Um arguto combatente do Mal. 75 anos de Batman, sempre ao lado do povo!

batman- protestos

batman 75

Cidadão de bem, nada temamos! Estamos do lado direito (e como!). Nem Dilma nem Sininho, Deus é mais! Pela família! Contra o comunismo satanista-gayzista!

Mas, se for o Deus tal qual Suassuna o concebeu, danou-se pr’ocês, hein?! Ave, Suassuna! Do Sertão pra eternidade!

sininho dilmaDilma, inclusive, cínica e bizarramente, finge conivência com todas as ações arbitrárias perpetradas contra seu alter-ego Sininho e seus comparsas só pra não dar na pinta.

[Agradecimentos ao Luiz Constantino e ao Cláudio Barçante pela ideia conjunta de “fuga pras colinas” com o vídeo do Iron Maiden.]

P.S.: o perigosíssimo outro lado da moeda:

http://brasil.estadao.com.br/noticias/rio-de-janeiro,traicao-amorosa-ajuda-policia-a-investigar-manifestantes-no-rio,1533578

P.S.2: muita vergonha alheia e desprezo, pela justiça e pela mídia. O sujeito em si, pra além de delator maldito, talvez seja um perturbado apenas: http://odia.ig.com.br/noticia/rio-de-janeiro/2014-07-24/ex-lider-da-fip-e-a-principal-testemunha-em-inquerito-contra-ativistas.html

[Há um vídeo de pedido de perdão e declaração de amor aa Sininho rolando no youtube, mas me recuso a postá-lo aqui. É deprimente demais.]

P.S.3: Vale ler sobre isto, a quem desejar mais informações sobre o deprimente ingresso de Guiné Equatorial na CPLP: http://www.publico.pt/politica/noticia/a-memoria-deles-pode-ser-curta-a-minha-nao-1663865

 

 

 

Anúncios
Categorias: Crítica, Cultura, Mídia, Política, Reflexões, Sociedade, Verso & Prosa | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: